Sejamos mais civilizados neste tempo de crise…

Alô, Alô, Bom Dia,
 
Vivemos há alguns dias, aliás, toda a civilização vive angustiada com um vírus que, de tão contagioso, está obrigando os seres humanos a se isolarem para não se infectarem ou propagarem os riscos.
 
Cenário só imaginado pelos futuristas mais ousados, que estão deixando os chefes de estado mais poderosos pelo mundo afora, acuados.
 
Seria isso o fim da civilização como conhecemos?
 
Eu particularmente acredito que não. Mas isso me leva a uma outra questão: Como a nossa civilização começou de fato?
  
Há muitos anos, um aluno perguntou à antropóloga Margaret Mead o que ela considerava ser o primeiro sinal de civilização numa cultura.
 
O aluno esperava que Mead falasse a respeito de anzóis, panelas de barro ou pedras de amolar.
 
Mas não. Mead disse que o primeiro sinal de civilização numa cultura antiga era um fêmur (osso da coxa) quebrado e cicatrizado. 
 
Mead explicou que no reino animal, se você quebrar a perna, você morre. Você não pode correr do perigo, ir até o rio para beber água ou caçar comida. 
 
Você é carne fresca para os predadores. Por isso, nenhum animal sobrevive a uma perna quebrada por tempo suficiente para o osso sarar.
 
Um fêmur quebrado que cicatrizou é evidência de que alguém teve tempo para ficar com aquele que caiu, tratou da ferida, levou a pessoa à segurança e cuidou dela até que se recuperasse. 
 
Ajudar alguém durante a dificuldade é onde a civilização começa” disse Mead.
 
Estamos no nosso melhor quando servimos aos outros. 
 
Esse é, também, o princípio do cristianismo: fazermos para as outras pessoas, o que gostaríamos que nos fizessem, assim como advertiu Jesus Cristo.
 
Pensamentos Que Inspiram Ter um BOM DIA HOJE
“Amarás o teu próximo como a ti mesmo. Não existe qualquer outro mandamento maior do que estes”.
(Marcos 12:31)
#sigmarsabin #tenhaumbomdiahoje #palestrasquetransformam
 
Sejamos civilizados neste período, mesmo não fazendo parte do grupo de risco.
 
Que tal compartilhar essa mensagem para que mais pessoas se sintam inspiradas praticar e cobrar mais civilidade?
 
 
Reflita sobre isto, hoje.
 
Tenha um Bom Dia Hoje, e…
 
Até a próxima.
 
Sigmar Sabin
Palestrante, Escritor, Professor e Aprendiz da vida.
#tenhaumbomdiahoje, #professorsigmarsabin

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.